Utilização de plantas medicinais pela população da região urbana de três barras do Paraná - DOI: 10.4025/actascihealthsci.v29i1.106

Joselaine Viganó, Josenéia Aparecida Viganó, Claudia Tatiana Araujo da Cruz Silva

Resumo


O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento das plantas medicinais utilizadas pela população urbana de Três Barras do Paraná. A coleta de dados ocorreu com uma amostragem de 370 questionários. Os resultados demonstraram que 98% da população fazer uso de plantas medicinais. A maioria dos entrevistados possui renda entre 2-4 salários mínimos (47%), idade entre 18-28 anos (23%), sendo donas de casa (48%) que não concluíram o Ensino Fundamental (54%). O principal motivo pelo qual as utilizam está relacionado a serem naturais (36%). Apenas 4% dos entrevistados citaram tO objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento das plantas medicinais utilizadas pela população urbana de Três Barras do Paraná. A coleta de dados ocorreu com uma amostragem de 370 questionários. Os resultados demonstraram que 98% da população fazer uso de plantas medicinais. A maioria dos entrevistados possui renda entre 2-4 salários mínimos (47%), idade entre 18-28 anos (23%), sendo donas de casa (48%) que não concluíram o Ensino Fundamental (54%). O principal motivo pelo qual as utilizam está relacionado a serem naturais (36%). Apenas 4% dos entrevistados citaram ter passado por reação adversa. A forma mais significativa de obtenção das plantas foi o cultivo próprio (44%) e a orientação sobre o uso foi pelas informações com familiares (63%). A parte mais utilizada foi a folha (60%), preparada por infusão (40%). Conclui-se que, devido à facilidade de obtenção associada ao baixo custo, as plantas estão inseridas no dia-a-dia da população. er passado por reação adversa. A forma mais significativa de obtenção das plantas foi o cultivo próprio (44%) e a orientação sobre o uso foi pelas informações com familiares (63%). A parte mais utilizada foi a folha (60%), preparada por infusão (40%). Conclui-se que, devido à facilidade de obtenção associada ao baixo custo, as plantas estão inseridas no dia-a-dia da população.

Palavras-chave


plantas medicinais; etnofarmacologia; Três Barras do Paraná

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actascihealthsci.v29i1.106

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN 1679-9291 (impresso) e ISSN 1807-8648 (on-line) e-mail: actahealth@uem.br

  

Resultado de imagem para CC BY