Problemas de saúde responsáveis pelo absenteísmo de trabalhadores de enfermagem de um hospital universitário - DOI: 10.4025/actascihealthsci.v25i2.2232

Doris Marli Petry Paulo da Silva, Maria Helena Palucci Marziale

Resumo


Entende-se por absenteísmo-doença as faltas do trabalhador devidas a problemas de saúde diagnosticados para efeito de licença-saúde. Com o objetivo de identificar os problemas de saúde responsáveis pelo absenteísmo-doença em trabalhadores de enfermagem de um hospital universitário, foi realizado um levantamento retrospectivo das faltas (494) justificadas por licenças-saúde, equivalentes a 1.491 dias de trabalho perdidos em um ano, calculados os índices de absenteísmo-doença e identificadas suas causas. A Unidade de Pediatria apresentou o maior índice de freqüência (If=0,35); a maior porcentagem de tempo perdido (Tp=4,19%) ocorreu no Pronto Atendimento, entre auxiliares de Enfermagem, enquanto os enfermeiros apresentaram maiores índices nas UTIs, If=0,17 e Tp=3,93%. Os problemas de saúde foram relacionados aos sistemas respiratório, geniturinário, digestivo e osteomuscular, aos órgãos dos sentidos e ao aparelho reprodutor feminino. Concluímos que os índices de absenteísmo-doença apresentam-se elevados. As causas do adoecimento dos trabalhadores apresentam interface com inadequadas condições de trabalho e fatores de risco presentes no cotidiano da enfermagem.

Palavras-chave


absenteísmo-doença; problemas de saúde; trabalhadores de enfermagem; hospital

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/actascihealthsci.v25i2.2232

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN 1679-9291 (impresso) e ISSN 1807-8648 (on-line) e-mail: actahealth@uem.br

  

Resultado de imagem para CC BY