ASPECTOS HISTÓRICO-SOCIAIS DE PEQUENAS CIDADES DA MICRORREGIÃO DE CAMPO MOURÃO - PR

Vanessa Medeiros Corneli, Bruno Luiz Domingos De Angelis, Marcelo Galeazzi Caxambú

Resumo


A maior parte das cidades brasileiras, 80,4%, é considerada como pequena. Essa proporção é ainda maior no Estado do Paraná, porque 83,0% das sedes municipais têm menos do que 20.000 habitantes (IBGE, 2010). Avaliando esses dados, evidencia-se o papel representativo e significativo dessas pequenas cidades no contexto estadual e também nacional. Todavia, mesmo que a pesquisa científica voltada a essa parcela do urbano tenha sido tratada de forma mais contundente nos últimos anos, seu cotidiano ainda é algo pouco explorado e conhecido pela ciência. Condição que motiva e justifica o presente estudo. Este artigo tem como objetivo apresentar aspectos histórico-sociais de três pequenas cidades da Microrregião de Campo Mourão no Estado do Paraná, Brasil – Peabiru, Araruna e Engenheiro Beltrão, a fim de entender o que determinou a sua condição atual e identificar potencialidades e necessidades futuras. As três cidades mencionadas registraram as primeiras ocupações nos anos de 1940 e 1950, principalmente devido às políticas de ampliação das fronteiras agrícolas; tiveram seu auge populacional nos anos 1970; todavia, após esse período, registraram decréscimos populacionais significativos e contínuos devido à modernização do campo. 


Palavras-chave


Campo Mourão. Pequenas cidades. Urbanização.

Texto completo:

PDF (baixado


DOI: http://dx.doi.org/10.4025/bolgeogr.v32i3.19625



ISSN 2176-4786 (on-line) e-mail: dge-boletim@uem.br